fbpx

 

 

 

 

RADIOGRAFIA DIGITAL COM SISTEMA RVG

Desde que foi descoberta na Alemanha em 1895, por Roentgen, a radiação X tem sido  constantemente utilizada e aperfeiçoada.  A descoberta de novas formas de diagnóstico por
imagem com o uso de tomógrafos computorizados e com o avanço da radiologia de intervenção
tem tornado cada vez maior e mais preciso o uso da radiação ionizante na medicina dentária e na
medicina de uma maneira geral.
O desenvolvimento de novos sistemas de computador, de novos programas, máquinas com
extensa capacidade de processamento e armazenamento e, comunicação através da internet,
torna cada vez mais indissociáveis os campos da radiologia e diagnóstico por imagem com a
informática.
A imagem radiográfica digital tornou-se uma realidade a partir do momento em que as primeiras
radiografias convencionais com o uso de lme radiográfico foram digitalizadas e, a partir daí,
armazenadas em formato digital num computador.  Desde então, vários pesquisadores vêm
trabalhando incessantemente no intuito de produzir sistemas radiográficos que dispensem o uso
de filmes convencionais e/ou processamento químico, chegando ao estado da arte, em que
sensores sem fio e reduzidos tempos de exposição à radiação ionizante, produzam imagens de
excelente capacidade de diagnóstico, com mínima exposição do paciente e de todos os
intervenientes.
A radiografia digital oferece inúmeras vantagens sobre o filme convencional, não só na capacidade
de melhorar a qualidade da imagem através de tratamento gráfico utilizando-se softwares
específicos, que podem inverter a escala de cores, aumentar áreas específicas (“zoom”)
proporcionar efeitos de textura e outros, como também na capacidade de obtenção das mesmas.
Somando-se a estas características descritas anteriormente existe a grande redução da dose de
radiação utilizada. Segundo os fabricantes, há uma redução de 80% da dose utilizada em
radiografias convencionais. Esta tecnologia, além de possuir uma baixa emissão de radiação
(sendo esta a sua principal vantagem) em contraste com a radiografia convencional, permite o
fácil manuseio da informação obtida com recurso a computadores. Assim, é possível alterar o
constraste e a nitidez das imagens radiográficas para uma melhor análise e consequentemente
um melhor diagnóstico.
Uma outra vantagem desta tecnologia verifica-se no armazenamento da informação radiográfica,
pois uma vez que é computadorizada permite que seja guardada no processo informático do
paciente e acessível pelos nossos profissionais em qualquer ponto da Clinica, desde que, 
obviamente, seja introduzida uma palavra passe por motivos de condencialidade dos dados.

Outros tratamentos